mais-informacoes agende-sua-consulta

 

FÚRIA NARCÍSICA

FÚRIA NARCÍSICA

A fúria narcísica pode variar desde dar de ombros friamente e o uso da agressividade passiva (silêncio injustificado e cara fechada) a episódios violentos. A fúria narcísica pode ser desencadeada por inúmeros motivos que façam com que o narcisista se sinta de alguma forma confrontado. Isso para ele é um ataque e usará a fúria narcísica para "dar o troco".

Vale lembrar, narcisistas criam uma dependência em suas vítimas para que todo o mundo do parceiro gire em torno do narcisista. Se o narcisista de repente retira afeto ou deliberadamente não presta atenção ao parceiro, estes comportamentos podem ter efeitos devastadores para a pessoa na ponta receptora. Somente quem já tiver sofrido isso, poderá saber o quão profundamente isso pode machucar.

Ao mesmo tempo, o narcisista também pode até planejar como se vingar da pessoa que ousou "desafiá-lo". Assim, a pessoa recebe o dobro do castigo ...!

Na outra extremidade deste espectro, está a violência, que pode ser verbal, sexual ou física. Narcisistas malignos com raiva jogam coisas pela casa, quebram itens, móveis, portas e paredes. Como isso não basta para extravasar sua fúria, agredir fisicamente aquele que o "atacou" também é bastante comum.

A violência verbal, no entanto, é uma especialidade deles. Eles sabem como fazer com que uma pessoa se sinta instantaneamente com cerca de 2 centímetros de altura. Eles vão direto aos pontos mais fracos, usam suas confidências, medos, complexos, traumas e se não encontram pontos fracos, apelam para ofensas que nada têm a ver com sua conduta real (você é vagabunda, tem amantes, você é drogado, bêbado, você faz tratamento psiquiátrico, etc), pois não têm nenhum problema em jogar sujo.